sexta-feira, 22 de março de 2013

Indispensáveis IV

     Continuando a série de postagens, iniciada pela Laura ainda no ano passado, sobre livros e sobre a importância da leitura. A indicação de hoje é Morro dos Ventos Uivantes de Emily Brontë...

        Primeiro eu tenho que agradecer a Laura por ter me apresentado esse livro maravilhoso. Ganhei ele de aniversário (novembro) e com a correria não tinha tido tempo de pegá-lo para ler. A história é muito surpreendente, eu diria que ela sai dos padrões dos romances a que estamos acostumados. Aquela mesmice de casais bobos que se conhecem e são separados no meio do livro, mas no fim vivem felizes para sempre. Não.
        Essa história é desafiante do começo ao fim. Encanta a quem quer que seja, até eu que prefiro romances épicos e quase sempre ligados a cultura gaúcha. Esse livro me chamou a atenção por ser de um romance impossível, e me ensinou muito. Por mais que Heathcliff tenha feito de tudo por Catherine não era para os dois ficarem juntos, ou era? Essa é uma incógnita que persiste em mim até hoje, depois de já ter lido o livro. De um lado ele lutou de todas as formas para ficar com ela, porém não conseguiu em vida desfrutar de sua companhia. Porém, em outras vidas eles podem ter se encontrado, ou será que a "maldição" atormentou os dois, além daquilo. Essa obra me chamou muito a atenção nas suas descrições, pois tem a capacidade de despertar o nosso imaginário. Nos faz imaginar as cenas, os lugares e os personagens, os cheiros, o vento dos morros. Um livro que nos faz sentir.
     É por isso que livros e comentários sobre eles são muito relativos, cada um entende da sua maneira, avalia do seu jeito. Aliás não tenho autoridade nenhuma para avaliar uma obra grandiosíssima como essa, apenas posso dizer que foi um dos melhores livros que já ali. Mesmo sendo um romance atormentado, cheio de tragédias e desgraças, nos desperta o interesse, a curiosidade pelo que irá acontecer no desfecho do livro. E isso não contarei, pois quem ainda não leu precisa sim desse livro para sua 'listinha de leituras'.  Aqui embaixo está uma árvore genealógica da família Earnshaw e Linton e seus descendentes caso alguém tenha dificuldade para entender os personagens. Boa leitura!


Um comentário:

  1. Não tem de quer, Kelem! *-* É um livro lindooo, um dos meus preferidos!! <3 Quem bom que gostou. Beijãao, saudades!

    ResponderExcluir